Maio 15 2017 0Comentário

Estudo de projetos e escopo para gestão eficiente

Ter uma gestão eficiente no planejamento e controle de obras é um trabalho que requer atenção aos mínimos detalhes. Muitas empresas de engenharia civil e construção e seus gestores deixam passar pontos de extrema importância no projeto por falta de um estudo e controle mais rigorosos. Por isso, a importância de estudar os seus projetos e ter um escopo muito bem definido é essencial para um trabalho bem-sucedido.

O escopo de um projeto de engenharia é o ponto de partida para a sua realização. É por meio da gestão do escopo do projeto que o responsável pela obra pode definir os caminhos que serão tomados para o desenvolvimento do projeto. Por meio de um estudo completo do projeto, o gerenciamento do escopo é o que vai definir e controlar os produtos que estão incluídos no projeto. Assim, é preciso apontar com clareza quais são os caminhos que serão seguidos para chegar no objetivo final.

Podemos dizer que o escopo do projeto é composto pelos seguintes itens: planejamento e definição do escopo, criação da EAP, verificação e controle do escopo. Mas, o que significa cada um destes pontos? Confira abaixo.

Planejamento do escopo

Durante o planejamento, é hora de elaborar e documentar qual será a estratégia usada para o desenvolvimento do escopo. Muito do sucesso do projeto está atribuído a esta fase de definição do escopo. É necessário definir quais serão as ferramentas utilizadas, quais metodologias, processos e procedimentos, além de outros fatores, que irão garantir que o escopo esteja de acordo com o projeto. Além disso, é fundamental que o orçamento da obra seja exposto no planejamento, detalhando quais serão os custos necessários para tal trabalho.

Declaração do escopo

A declaração do escopo é onde deve conter os itens: objetivos, descrição de produtos, requisitos, prazos para entrega, critérios de aceitação de produtos, premissas, organização, cronograma, limitação de fundos, entre tantos outros pontos importantes para a gestão e o controle do escopo. É por meio desta declaração que todos os envolvidos no projeto podem checar e garantir que o trabalho seja feito para alcançar os objetivos e os resultados finais.

Criação da EAP

A EAP tem a finalidade de deixar o gerenciamento do projeto algo mais fácil e acessível a todos. É por meio do EAP que é feita a organização hierárquica do trabalho, assim como a definição de equipes e prazos de entrega de cada etapa. Dessa forma, a visualização de quem deve entregar tal trabalho em uma data previamente determinada se torna mais fácil e clara aos gestores.

Verificação do escopo

A verificação do escopo é um processo de aprovação do cliente referente ao que foi proposto no planejamento do escopo. Com a aceitação do escopo do projeto e do orçamento da obra é possível seguir o trabalho que foi planejado.

Controle do escopo

O controle do escopo é feito durante a execução do projeto, acompanhando e avaliando o que está sendo feito de acordo com o que foi previsto. O processo de controle também é responsável por avaliar as mudanças solicitadas durante a execução, obtendo a aprovação necessária e garantindo que, dessa forma, o trabalho terá um resultado mais efetivo. Além disso, é nesse momento em que são controlados o prazo, os custos, a qualidade e a finalização da obra.

Portanto, o gerenciamento do escopo é a base para toda a construção civil, envolvendo todos as etapas necessárias para a realização de uma obra. Se o projeto de engenharia não possui um escopo definido e um estudo completo do seu planejamento, há grandes chances de alguma etapa dar errada e, consequentemente, o projeto não alcançar o resultado esperado.